Share: Share on Facebook Share on Twitter Share on LinkedIn I recommend visiting cushmanwakefield.com to read:%0A%0A {0} %0A%0A {1}

Mercado de escritórios corporativos vive flight to quality

Renato Almeida • 6/28/2023

O conceito de flight to quality é amplamente entendido como o motor da demanda de escritório nos últimos anos. Mas o que isso significa na prática? Neste artigo você conhecerá o conceito de flight to quality no mercado imobiliário, os motivos que levam ocupantes a buscarem melhores instalações, a importância do retrofit e como fazer um movimento de flight to quality de maneira estratégica.

Flight to quality

O flight to quality no mercado imobiliário
Em tempos em que os ocupantes de imóveis corporativos não têm expandido sua área ocupada, o movimento flight to quality tem prevalecido no setor.

Flight to quality pode ser traduzido como ‘‘salto para a qualidade’’. Seria algo parecido com fazer um upgrade em seu quarto de hotel.

Esse movimento acontece no mercado imobiliário quando o cenário econômico atual é instável. Uma vez que há diversas opções de edifícios desocupados, ou seja, mais oferta do que procura, há boas oportunidades para o ocupantes fazerem um flight to quality e migrarem para um prédio mais novo, com melhor infraestrutura.

Isso é observado, principalmente, nos principais mercados do país. Na cidade do Rio de Janeiro, por exemplo, a predominância do movimento flight to quality, no qual os ocupantes saem de prédios de qualidade inferior para se instalarem nos classes A e A+, é nítida. As últimas transações realizadas pela Cushman & Wakefield refletem esse movimento.

Recentemente, uma importante resseguradora, após um movimento estratégico, vendeu o imóvel histórico que ocupava na capital carioca e se mudou para o Ventura Corporate Towers.

Uma outra empresa, esta do segmento de logística marítima, expandiu sua operação para o dobro do tamanho também no Ventura Corporate Towers, um dos melhores edifícios corporativos do mercado.

O que os ocupantes buscam?
Ocupantes já buscavam espaços de trabalho diferenciados antes da pandemia. No entanto, a tendência de flight to quality vem crescendo em ritmo acelerado desde 2020.

Um estudo da Cushman & Wakefield revelou que as comodidades são estratégias importantes para apoiar a experiência do funcionário no escritório e, consequentemente, atrair ocupantes.

Quais são as principais comodidades que os ocupantes buscam?

Integração: espaços de experiência, colaboração e socialização
Conveniência: soluções que apoiem os funcionários em suas vidas atarefadas
Deslocamento: localização estratégica, incluindo estacionamento ou transporte público próximo
Bem-estar: iniciativas que apoiem ESG e o bem-estar em torno de inclusão, saúde, sustentabilidade, etc
Segurança: medidas que proporcionem segurança e proteção para os ocupantes
Tecnologia: soluções que incorporem a tecnologia, como aplicativos de experiência do usuário

Retrofit é indispensável
Proprietários de imóveis ultrapassados devem repensar seus espaços, uma vez que edifícios classe A e A+ tendem a ter menor vacância, especialmente em um cenário que favorece o flight to quality.

A técnica de modernização das instalações, conhecida como retrofit pode ser uma solução. Conheça mais aqui.

Como fazer um flight to quality estratético?
Nossa equipe comercial pode te ajudar a encontrar o imóvel ideal para suas necessidades. Temos acesso aos melhores imóveis, regiões, preços, e a expertise da líder global no mercado imobiliário corporativo.

Além disso, nossos serviços de Project Development podem ajudá-lo em seu projeto de escritório, atuando no gerenciamento de todo o projeto e obra.

Clique aqui e conheça todos os nossos serviços.

ARTIGOS APRESENTADOS

FM Pilares
Artigo • Facilities Management

Facility Management: pilares da implementação e gestão assertivas

Ao atuar em qualquer área do mercado imobiliário, o conhecimento e o domínio técnico são de grande importância para atingir os melhores resultados e buscar a melhoria contínua.

Rodrigo Costev • 11/7/2023
Facilities Padroes
Artigo • Facilities Management

Gerenciamento de facilities: como criar padrões?

O Gerenciamento de facilities tem como foco diário manter em condições ideais de operação grandes edificações como complexos multiúso, shopping centers, condomínios, escolas, lojas, agências bancárias, lajes corporativas, parques/clubes de lazer, etc.

Rodrigo Costev • 9/5/2023
Facilities Missao Critica
Artigo • Facilities Management

Gerenciamento de Facilities para Missão Crítica

Ambientes de missão crítica referem-se a setores e infraestruturas nos quais a continuidade operacional é essencial para a segurança, saúde e economia.

Rodrigo Costev • 8/22/2022

NÃO ENCONTROU O QUE PROCURA?

Entre em contato com um de nossos profissionais.

A Cushman & Wakefield utiliza cookies para analisar o tráfego e melhorar a experiência de navegação do usuário neste website. Feche este diálogo para confirmar o seu consentimento, ou visite esta página para saber mais:
Informações Importantes sobre cookies

Mais opções
Concordar e Fechar
These cookies ensure that our website performs as expected,for example website traffic load is balanced across our servers to prevent our website from crashing during particularly high usage.
These cookies allow our website to remember choices you make (such as your user name, language or the region you are in) and provide enhanced features. These cookies do not gather any information about you that could be used for advertising or remember where you have been on the internet.
These cookies allow us to work with our marketing partners to understand which ads or links you have clicked on before arriving on our website or to help us make our advertising more relevant to you.
Agree All
Reject All
SAVE SETTINGS

O conceito de flight to quality é amplamente entendido como o motor da demanda de escritório nos últimos anos. Mas o que isso significa na prática? Neste artigo você conhecerá o conceito de flight to quality no mercado imobiliário, os motivos que levam ocupantes a buscarem melhores instalações, a importância do retrofit e como fazer um movimento de flight to quality de maneira estratégica.

Flight to quality

O flight to quality no mercado imobiliário
Em tempos em que os ocupantes de imóveis corporativos não têm expandido sua área ocupada, o movimento flight to quality tem prevalecido no setor.

Flight to quality pode ser traduzido como ‘‘salto para a qualidade’’. Seria algo parecido com fazer um upgrade em seu quarto de hotel.

Esse movimento acontece no mercado imobiliário quando o cenário econômico atual é instável. Uma vez que há diversas opções de edifícios desocupados, ou seja, mais oferta do que procura, há boas oportunidades para o ocupantes fazerem um flight to quality e migrarem para um prédio mais novo, com melhor infraestrutura.

Isso é observado, principalmente, nos principais mercados do país. Na cidade do Rio de Janeiro, por exemplo, a predominância do movimento flight to quality, no qual os ocupantes saem de prédios de qualidade inferior para se instalarem nos classes A e A+, é nítida. As últimas transações realizadas pela Cushman & Wakefield refletem esse movimento.

Recentemente, uma importante resseguradora, após um movimento estratégico, vendeu o imóvel histórico que ocupava na capital carioca e se mudou para o Ventura Corporate Towers.

Uma outra empresa, esta do segmento de logística marítima, expandiu sua operação para o dobro do tamanho também no Ventura Corporate Towers, um dos melhores edifícios corporativos do mercado.

O que os ocupantes buscam?
Ocupantes já buscavam espaços de trabalho diferenciados antes da pandemia. No entanto, a tendência de flight to quality vem crescendo em ritmo acelerado desde 2020.

Um estudo da Cushman & Wakefield revelou que as comodidades são estratégias importantes para apoiar a experiência do funcionário no escritório e, consequentemente, atrair ocupantes.

Quais são as principais comodidades que os ocupantes buscam?

Integração: espaços de experiência, colaboração e socialização
Conveniência: soluções que apoiem os funcionários em suas vidas atarefadas
Deslocamento: localização estratégica, incluindo estacionamento ou transporte público próximo
Bem-estar: iniciativas que apoiem ESG e o bem-estar em torno de inclusão, saúde, sustentabilidade, etc
Segurança: medidas que proporcionem segurança e proteção para os ocupantes
Tecnologia: soluções que incorporem a tecnologia, como aplicativos de experiência do usuário

Retrofit é indispensável
Proprietários de imóveis ultrapassados devem repensar seus espaços, uma vez que edifícios classe A e A+ tendem a ter menor vacância, especialmente em um cenário que favorece o flight to quality.

A técnica de modernização das instalações, conhecida como retrofit pode ser uma solução. Conheça mais aqui.

Como fazer um flight to quality estratético?
Nossa equipe comercial pode te ajudar a encontrar o imóvel ideal para suas necessidades. Temos acesso aos melhores imóveis, regiões, preços, e a expertise da líder global no mercado imobiliário corporativo.

Além disso, nossos serviços de Project Development podem ajudá-lo em seu projeto de escritório, atuando no gerenciamento de todo o projeto e obra.

Clique aqui e conheça todos os nossos serviços.